Bem-vindo ao Centro Islâmico Brasileiro - Últimos Artigos: Uma perspectiva filosófica sobre a singularidade do Alcorão - Tema a Deus onde quer que esteja - Deus & os limites da imaginação humana - Capítulo 3, Aali-Imran (A Família de Imran) (parte 2 de 3) - Capítulo 3, Aali-Imran (A Família de Imran) (parte 1 de 3) - Capítulo 7, Al-A’raaf (Os Cimos) (parte 3 de 3) - Capítulo 6, Al-An’am (O Gado) (parte 3 de 3) - Capítulo 7, Al-A’raaf (Os Cimos) (parte 2 de 3) - Capítulo 7, Al-A’raaf (Os Cimos) (parte 1 de 3) - Capítulo 6, Al-An’am (O Gado) (parte 2 de 3) - Capítulo 6, Al-An’am (O Gado) (parte 1 de 3) - Muhammad & o último dos monoteístas - Sorriso, raiva e consciência plena no Islã (parte 3 de 3) - A cobiça vos entreterá - Confie em Deus e não desista -
Este site tem por objetivo divulgar o Islam, seguindo a Ahlus Sunnah wal Jama'a (Seguidores da Sunnah e a Comunidade), o Islam em sua mais pura forma, o Islam que foi ensinado pelo nosso querido Profeta Muhammad (s.a.w.s) e seguido pelos seus Nobres Companheiros (Sahaba).


Ouça o Alcorão
Já está disponível em nosso
site o "Nobre Alcorão e seus
Significados em Português"
saiba mais



Leia o Alcorão
Agora além de poder ouvir a
bela recitação do Alcorão,
você também pode ler,...
saiba mais



Du'as - Súplicas
Aprenda como recitar de maneira correta os du'as (suplicas) em arabe saiba mais


Biblioteca Islâmica
"A teoria da evolução foi
tratada em capítulo à parte,
pelo fato de que constitui a
base de todas..." saiba mais



Assine nosso Jornal
Assine nosso Jornal Islâmico Online e receba no seu email as últimas atualizações do nosso site saiba mais



Perguntas e Respostas
Sinta-se à vontade para tirar todas suas dúvidas referente ao islam, alcorão, profeta mohammad, saiba mais



Civilização Islâmica
Dentro de poucos anos do crescimento do Islam no mundo, grandes civilizações floresceram saiba mais


Convertidos ao Islam

Nesta seção você conhecerá a história de pessoas que descobriram no Islam a Luz para as suas vidas. saiba mais

Khadija, Convertida ao Islam, Cruzeiro/SP
Clique aqui para retornar às Categorias de Artigos
Al Salam Aleikom

khadijaEu sempre desde pequena gostava mais da religião islâmica, porém minha família não aceitava. Minhas tia até queriam me mandar para o convento só para eu não seguir a religião islâmica.

Sempre fui impedida de ler ou saber sobre os muçulmanos, eu achava isso um absurdo pois meu pai foi um muçulmano mas não gostava de ser ele então se tornou um católico.

Fui batizada na igreija católica mas algo faltava em mim. E sempre eu era impedida,
sempre fazia o que era mandado eu fazer, nunca o que eu queria.

Eu queria ter feito muito em minha vida, eu queria ter feito faculdade de advocacia
feito um livro, escrito tudo e ter terminado, mas sempre era impedida.

Meu pai me casou muito cedo, nunca ninguém perguntava se era aquilo que eu queria para mim, para minha vida. Sempre tinha que fazer o que eles mandavam, nunca fui a praia, nunca vi o mar, nunca sai sozinha, era sempre com alguém.

Fui criada presa dentro de casa depois me casei e pensei que ia ser tudo diferente
mas não, foi a mesma coisa. Nunca podia fazer nada, nunca podia sair, estava presa novamente, sem conhecer a vida, sem conhecer as pessoas. Eu sempre fiz o bem e sempre ajudei quem precisou de mim, ajudei muitas pessoas.

Casei com um homem que nunca reparava em mim, nunca nada estava bom pra ele,
ele não gostava do meu cabelo, não gostava das minhas musicas, de nada que eu gostava ele gostava. Ele gostava de viajar para a fazenda e eu tinha que ir junto, porém eu não gosto do ambiente rural.

Eu gosto da cidade, de pessoas, ver gente rindo, felizes. Isso é que eu gostava, quero dizer, isso é que eu gosto.

Mas meu casamento não deu certo e eu criei coragem então me separei, resolvi viver a minha vida, eu acordei para a viver a vida. Eu não iria deixar mais ninguem controlar a minha vida e dizer o que eu tinha que fazer. Eu sabia que se eu me separasse, iria ficar sozinha e sem nada, mas isso não me abalou, pois eu queria ser feliz.

O dinheiro não é tudo na vida de alguem se você está infeliz, nenhum dinheiro do mundo vai fazer você feliz. O dinheiro proporciona conforto de muitas coisas, entretanto, se voce não é feliz de nada servirá o dinheiro.

Eu queria me converter ao islam, e nada poderia me impedir, só Deus mesmo, porém
Deus nunca iria me impedir de ser feliz, Deus sempre quer o melhor para todos nós,
Deus quer que sejamos felizes.

Então eu me converti, me tornei uma muçulmana e me senti muito bem e feliz, me sinto outra pessoa, estou feliz agora, pois sou o que sempre quis ser, uma muçulmana.

Allah me ilumina sempre, eu sei que não é facil, pois muitas pessoas nos olham como se fossemos estranhas, falam mal, vivem debochando de nós, mas, se temos fé em Allah, ninguem poderá nos atingir, pois a raiva dessas pessoas nos tonam mais fortes
almentando mais ainda a nossa fé.

Hoje eu posso dizer "eu sou feliz, e muito" apesar de algumas coisas, sou feliz, hoje, como uma muçulmana.

Que Allah abençõe a todos nós muçulmanos!

Ma'a salama
Hierarquia do Artigo:
Artigos Histórias de Novos Muçulmanos Khadija, Convertida ao Islam, Cruzeiro/SP


Navegação de Artigos:

<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>
Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML

Página Inicial | Últimos Artigos | Crenças do Islã | A Outra Vida | Evidência do Islã | Religião Comparada | Perguntas e Respostas | Busca | Contato |
Centro Islâmico Brasileiro (c) 2009-2017. Todos os direitos reservados.
Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2017 by Nick Jones.
Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3
voltar ao topo